quinta-feira, 21 de maio de 2009

MARCHA PELA MACONHA? INACREDITÁVEL!

Marcha pela Maconha? inacreditável!

Depois da absurda presença de um ministro de Estado na “Marcha pela Maconha” realizada recentemente no Rio de Janeiro, no caso, o ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc onde fez colocações incoerentes com a lei e com a própria política do Governo, que ele representa,Pensei em refletir com os amigos e irmãos sobre esse assunto polêmico.

É importante, antes da explanação, diferenciar a “legalização” da “descriminalização”. Aqui falamos da legalização.

Pessoalmente sou contra.

- A legalização talvez até diminua a quantidade de mortos pelo tráfico,como dizem seus defensores,porém o tráfico não é focado apenas na maconha, ou seja, continuaria existindo pois é um “negócio” que acompanha a demanda. Se a maconha,pela legalização,tornar-se mais acessível pela venda as outras drogas ilícitas continuariam alimentando o tráfico e a guerra pelos pontos de venda;

-O consumo de outras drogas ilícitas seria estimulado, pois se sabe que rompendo a fronteira da ilegalidade pelo uso da maconha, rapidamente se poderia migrar para outras drogas mais pesadas, com de fato acontece com muitos.

Nem todo usuário em maconha é viciado em outras drogas mais pesadas, mas quase todos os usuários em outras drogas iniciaram pelo uso da maconha;

-A legalização estimularia o uso” livre” da maconha, já que caindo a barreira da ilegalidade, tornar-se-ia acessível a todos sem a marca da criminalização que hoje acompanha seu uso e tráfico;

-Legalizar não resolveria o problema, proibido ou não, quem quer, sabe como encontrar e não deixa de consumir, mesmo com a ameaça da lei;

-A maconha vicia! É prejudicial à saúde, é alucinógeno. Como ser a favor de uma droga que mata seu usuário.Se nem sempre o faz de forma física, o faz pela morte psicológica, emocional, social, familiar.

Pergunte a quem tem filho viciado…

Seria Legalizar o vicio! Se é verdade que nem todos se viciam, a possibilidade de pelo menos um se viciar justificaria legalizar?

-Legalizar a maconha não é apenas uma questão de respeito à liberdade individual Mas é uma questão de saúde pública. diz respeito também a sociedade e a família pelas associações que o ato “livre e pessoal” acarreta.

Maconha está associada ao tráfico, homicídio, roubo, crime, marginalização.. isso não quer dizer que todo usuário seja isso,mas quer dizer que com associações tão fortes e entrelaçadas, o Estado Brasileiro não pode legalizar.seria contraditório com sua missão de órgão a serviço do bem estar e do progresso geral da nação.Seria um retrocesso.Isso sem citar o fato de o Estado não conseguir oferecer condições educacionais compatíveis que permitam a população se defender criticamente do uso errado, nem mesmo hoje, de drogas “licitas”, como o álcool ou o fumo, embora tente.

O álcool e o fumo são “legalizados”.Que vemos? confirma-se que é o que legal nem sempre é Moral.

A título de curiosidade:

Na contramão disso tudo, a Inglaterra há pouco tirou a maconha da classificação B, e colocou na classificação A, ou seja, a classificaram como uma droga tão perigosa quanto a cocaína, a heroína e o ecstasy,

-”Legalizando e regulamentando o consumo de drogas, não se resolve o problema do vicio, mas sim elimina o narcotráfico”, dizem os defensores..

Quanta ingenuidade. Quem foi que disse que o narcotráfico cuida só de maconha? O narcotráfico cuida de tudo que dá dinheiro e lucro. Se não for a maconha,será outra coisa..não existe lei moral para os marginais,a lógica não é essa para quem não tem nada a perder..

Só para lembrar. Quais os efeitos pessoais da maconha ( Não falo aqui dos efeitos sociais)

A maconha fumada causa a maioria dos mesmos problemas de saúde relacionados ao tabaco. Fumada ou comida, a maconha pode quebrar o equilíbrio, a coordenação física e a percepção visual. Isto pode ser perigoso ao dirigir um automóvel ou operar máquinas. Algumas pessoas se sentem narcotizadas (desorientadas e vertiginosas) ao usar a maconha. Esse efeito pode ser mais forte quando se come que quando se fuma.

Alguns usuários desenvolvem uma tolerância a maconha. Isto significa que necessitam de doses cada vez mais altas para conseguirem o mesmo efeito. Os usuários também podem tornar-se dependentes da maconha e podem ter síndrome de abstinência quando deixam de usá-las.

O principal inconveniente para o uso estritamente médico da maconha é o chamado efeito “globo” ou “muito doido”, que consiste em um transtorno das conexões nervosas que produz um fenômeno de dispersão mental, debilitando a memória imediata e dispersando as faculdades discursivas.

O efeito psicotrópico da maconha, similar ao de outras substancias como o LSD, consiste basicamente em uma sensibilidade incrementada que leva também a uma certa falta de equilíbrio e de segurança psíquica do sujeito, acompanhada de uma “alteração do estado de consciência”.

Esses efeitos em gente insegura podem acabar em reações de pânico e ansiedade. De todas as formas esses casos são escassos. Pois as pessoas propensas a isso, normalmente deixam o consumo. A maconha reduz a tensão sangüínea (por isso seus efeitos relaxantes), e em caso de abuso pode produzir o desmaio momentâneo do consumidor “teto branco”, que com uns minutos de relaxamento e um pouco de glicose, se solucionam.

O que sugerir em relação à Maconha?

É preciso empenhar todos os esforços para desenvolver um programa educacional eficiente visando a impedir o aumento do consumo e, quem sabe, até mesmo baixá-lo, já que muito jovem fuma maconha para transgredir a ordem estabelecida.

O Estado precisa investir na educação e na saúde, investimento que, sabemos, não resolverá o problema, já que países desenvolvidos oferecem isso e possuem uma quantidade enorme de usuários e viciados, porém oferecerá condições que permitam razoável amadurecimento psicológico, social e humano para dizer não as drogas.

Porém, o que resolveria mesmo era oferecer um sentido novo para a vida dos usuários e viciados, em Cristo Jesus,

Quem o conhece não precisa de droga.

É aí onde nós entramos!

Fonte: www.comshalom.org/blog/carmadelio/?p=562

13 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. "alertamos o perigo da filosofia política esquerdista" KKKKkkkkkkk'
    É importante lembrar que vivemos numa sociedade onde as pessoas aprenderam a ler e não fazem isso.. Já pensou no impacto que causa a uma pessoa desinformada ao ler isso? o "perigo"?Hahahaha.. sabe, qnd eu li isso, no ato me veio aquela velha frase "o socialismo come criancinhas", mas sqeceram de avisar que o capitalismo as MATA de fome..da mesma forma aqui. Acredito que pra vc colocar isso com uma letra desse tamanho, deveria pelo menos explicar a politica de esquerda e direita. Os perigo da esquerda ta aii.. e os perigos da direita?Não tem?Não entendi poq esse ataque direto à politica esquerdistaa.
    O ministro da maconha provoca o enfraquecimento da sustentabilidade dos valores da família e destruição da honestidade, da ordem civil e moral, e os Ministros do roubo, da desonestidade ?? É tão horrivel assim ele apoiar?Porque?É a opnião dele, acho horribilíssimo o que vc e muitas outras pessoas fazem, deturpa a imagem de alguém dessa forma.
    "A maconha vicia! É prejudicial à saúde, é alucinógeno" Sqceu de falar que tbm é uma erva medicinal. Sugerida em casos de cancêr e Aids, e mais alguma doença que não me recordo, mas não pode nee?
    Se legalizar a maconha não mudaria nada, então porque não legalizar? Eu acredito muiiiito que resolveria.
    Vc falou alguns argumentos por parte de quem deseja essa legalização, eu sou a favor da legalização, não é poq numeros cairão, ou por blablabla que seja, mas já parou pra pensar, ou pesquisar poq a maconha é realmente proibida?INTERESSES POLITICOS?ee acho q sim.Eu nunca fumei maconha, nem tenho vontade,não é algo que me desperta interesse, mas me desperta interesse saber sobre a verdadeira intenção dessa probição.
    Poq proibir?aa vc falou nee, poq faz mal, vicia[??], poq faz mal pra familia do usuario..sei la..poq a globo falou..i tal'z..mas sendo proibidaa vai acaabar com td isso ne?As pessoas insitem no erro.. se sendo proíbida continua como está.. poq não tentar a legalização?Será que ia conseguir ficar pior?
    Falta de informação, por parte da sociedade.
    Vc disse que a Inglaterra passou a considerar a maconha como droga do tipo A, já o Canadá, Estados Unidos, Grã-Bretanha, Suíça, Holanda, Bélgica e Alemanha e a Italia autorizou o uso da maconha para fins terapeuticos. Sim, usados contra a dor e não para ser fumada,
    - OOOh então a maconha faz mto mal, pq remedio é droga,não podemos usa-la sem orientação médica pq mata, maaas vc mesmo falou q ela consumida é mais prejudicial.
    Então vamos pensar um pouco..Será que da mesma forma que ela é destinada aos pacientes que necessita em forma de remedio, é igualmentee destinada a quem fuma?
    Será q a maconha faz mal??Clarooooo, é drogaa, mas temos que ver o grau do mal que ela faz.. Mas e ai ?? Comer em restaurante fastfood também faz mal..
    E depois de tudo, vc ainda coloca Jesus no meio. Dpois dizem que politica e religião n são partes integrantes. Eu sei que aqui é seu blog, tu fala do assunto q qr, mas de fato vc misturou os dois assuntos, pelo menos pra mim a maconha não tem nada a ver com Jesus, e se tem, existem muitos "maconheiros" que acreditam e seguem muito mais Ele, do que muito pastor hipócrita. Mas isso já é outra questão. Enfim, vendo que vc é professor, eu imaginei, se vc chega na sala falando dessa forma para os seus alunos?? Eu faço licenciatura (Filosofia), e tenho comigo que é importante mostrar as duas "faces" de qlker assunto, convidando não só o aluno, mas qlker pessoa que assiste ao seu discursso, que ele decida, que ele reflita sobre o que entende por melhor. Respeito sua posição para tal assunto, só achei inadequada a forma como vc se colocou, limitando o leitor só aos maleficios da maconha.

    Espero que entenda minha colocação,
    Um abraço,
    Jéssica Mamede :)

    ResponderExcluir
  3. blablabla..

    sei que provavelmente irão retirar meu post mais sou a favor da legalização da maconha no Brasil, existe argumentos sufucientes para a legalização, mas qual governo ganhará com isso? se legalizar, ninguem mais irá comprar e sim ter sua propria plantação! governantes só investem e negócios rentáveis, que visam lucros ao estado e a eles mesmos.
    tbm axei errada a sua colocação sobre o assunto!
    legalize já!

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Olá, não sou nenhum entendido de ciências humanas, mas entendo bem desse assunto.
    Na Holanda foi legalizada a maconha para tentar diminuir o uso de heroína. Se você for pego na rua fumando maconha la na Holanda, você é preso! E o uso de heroína vem diminuindo cada vez mais.
    No Brasil qual é o problema parecido com esse? o CRACK.
    Deixar de ser crime, significa a polícia deixar de ir atrás de usuários. Porque um usuário não pode ter sua planta em casa???? além de estar ajudando o planeta (coisa que poucos fazem), ele estaria deixando de financiar o tráfico. Poderia sim LEGALIZAR, fazer uma Lei, por exemplo: "cada cidadão brasileiro pode ter no máximo 5 Cannabis plantadas em casa".
    Por isso não vejo muita diferença entre legalização e descriminalização.
    Da mesma maneira que eu penso que deveria existir lugares fechados para o uso do tabaco, poderia existir lugares fechados (como na Holanda) para o consumo de ervas.

    A maconha foi proibida pois o canhamo (tecido feito da maconha) é MUITO mais barato que o algodão, e o resto eu nem preciso falar né.. interesses políticos!!
    Não discordo de muita coisa que você disse, mas concordo com a Jeh que faltou o outro lado do problema, você focou para o seu pensamento.
    Um abraço, obrigado pelo espaço!
    Fábio

    ResponderExcluir
  6. seu doutor se deus crio a natureza e tambem as belezas dessa vida porque que essa erva e proibida ?

    ResponderExcluir
  7. "-A maconha vicia! É prejudicial à saúde, é alucinógeno. Como ser a favor de uma droga que mata seu usuário.Se nem sempre o faz de forma física, o faz pela morte psicológica, emocional, social, familiar." O que? Falar de vício da maconha (sinceramente não conheço UM viciado em maconha) num país onde o presidente é alcoólatra, mais de 200 MIL pessoas morrem anualmente por Nicotina aqui no Brasil. Cara, quais substâncias causam o vício, a morte psicológica, emocional, social e familiar??? Você se baseia em que informações, que fontes, quais dados científicos? Não vejo nada proveitável e veraz aqui. Quer um dado verídico? De acordo com seu texto preconceituoso, mais de 500 MILHÕES de pessoas no mundo inteiro são mortos psicologicamente, emocionalmente, socialmente e no contexto familiar. Me poupe, caro, pesquise um pouco mais. Em 0,33 segundos você descobre MUITA coisa sobre a maconha... use o Google para mais que mp3 grátis.

    ResponderExcluir
  8. jesuis cristo é o caminho a verdade e a vida ninguem chegara ao Pai senaum por jesuis cristo nao há droga pior que a GUERRA DA PALESTINA onde jesuis nasceu=/
    e quem é que consegue acabar com ela?
    ou com as bombas atômicas?
    nao temos duvidas que noss planeta esta por um fio por causa dessas drogas (átômicas)
    quem nos salvara? somente JESUIS !!!!

    ResponderExcluir
  9. todas as alegações que voce postou sao contraditorias, ridiculo por exemplo:
    "Maconha está associada ao tráfico, homicídio, roubo, crime, marginalização.. isso não quer dizer que todo usuário seja isso,mas quer dizer que com associações tão fortes e entrelaçadas, o Estado Brasileiro não pode legalizar"

    Um dos beneficios com a legalização seria esse a total DESassociação com o crime! o usuario da dinheiro para traficantes por que ele nao pode comprar gerando impostos para o governo.

    ResponderExcluir
  10. correção: maconha NÃO mata, NÃO é alucinógena e tem efeitos maravilhosos qndo se fala sobre maconha x saúde. maconha é um otimo remedio contra glaucoma e entre outras coisas...
    inclusive, saiu em jornais(que ñ se publicam aqui, pq ñ seria interessante pra quem lucra com essa proibição) que um garoto de 2 anos, nos EUA, que tinha um tumor no cerebro, foi salvo devido ao uso da maconha. ele retirou o tumor mas o pos operatorio era mto agressivo. a maconha alivia as dores e deu apetite (a criança estava a 40 dias sem alimentação, sendo nutrita somente atraves de soro)... tbm nos EUA mais de 200 mil pessoas fazem uso medicinal da maconha.
    enfim, vale lembrar tbm q a maconha foi proibida no Brasil juntamente com a capoeira, o samba...
    e a maconha proibida, claro que estará relacionada ao trafico e a tudo q vc disse....
    as pessoas lutam pela legalização justamente pra acabar com isso. PROCUREM INFORMAÇÕES E CHEQUEM SE SÃO CORRETAS. NÃO SE CONTENTEM COM O QUE MASTIGAM E TE DÃO PELA TV.

    ResponderExcluir
  11. p.s: as pessoas falam tanto mal da maconha e de seus usuarios e se esquecem que compram seus 'remedios' em DROGARIAS.

    quantas pessoas não são internadas no Brasil pra tratamento por conta de vício em 'remedios controlados' (tarja preta.)? sou da área da saúde e ja vi VÁRIOS casos. até hoje, nenhuma autoridade brasileira pensou em proibir tais 'remedios'.

    ResponderExcluir
  12. tém que liberar logo pq os maconheiro não aguenta mais

    ResponderExcluir
  13. maconha ñ é droga...
    vc acha que Deus criou drogas...
    Drogas quem criam são os homens...
    .álcool
    .cigarro
    .crack
    .armas de fogo.
    tudo aquilo que causa destrução social!

    se a maconha deve ficar proibida,
    o áicool e o cigarro tbm deveria ser!

    Quantos morrem no transito por causa da embriaguês?
    Quantos morrem de câncer causado pelo uso de cigarros?

    Porque brigar por leis que ñ favorecem a ninguem...?
    Vamos rever nossas leis!
    Vc sabia que o cultivo da cannabis combate o crime organizado?

    Legalize Já!

    ResponderExcluir